We want your feedback!
Click here
cover image of Sísifo ou Prometeu? Da arte e da tecnologia, hoje.

Sísifo ou Prometeu? Da arte e da tecnologia, hoje.

by Hans Belting

ebook

Sign up to save your library

With an OverDrive account, you can save your favorite libraries for at-a-glance information about availability. Find out more about OverDrive accounts.

   Not today

Subjects

Se a arte é uma resposta a um mundo fundamentalmente absurdo, a tecnologia fornece a pretensão de uma utopia que parece superar o homem. A figura mítica de Sísifo, resgatada a Albert Camus, é aqui considerada para contrapor a condição humana e individual do artista à promessa conciliadora dos novos meios tecnológicos. Sísifo, ao invés de Prometeu, é um artista de outra espécie. Ele enuncia uma mudança, pois não é o promotor da tecnologia mas a figura que expressa a experiência de um mundo sem salvação ou saída. A luta de Sísifo trava-se assim na disputa pelo direito ao espaço imaginário e simbólico do indivíduo contra o espaço mediático das ficções e dos seus fantasmas colectivos.

A distinção entre arte e tecnologia presta-se portanto a atribuições de sentido; por um lado, existe a condição individual, e sem sucesso, do fazer do artista, por outro, o conformismo anónimo dos mass media. Por um lado, a resistência perante o fluxo de imagens, por outro, a decepção perante o fracasso de novas imagens. Sísifo reitera, por isso, um sentido interrogativo, e sem fim, da arte, porque só ele nos propõe a vontade da arte num mundo que se repete e que não se consegue transformar. A arte opera, assim, a permuta de imagens, entre artista e espectador, e uma compulsão à repetição em contraste com a história do progresso dos meios e a torrente das suas imagens.

O ritual de Sísifo prossegue como uma tentativa de defesa contra a hipótese de alguma vez encontrarmos «imagens definitivas ou verdades derradeiras nas imagens». Se existem imagens que continuam a interpretar as experiências inevitáveis da morte, do espaço e do tempo, no gesto de Sísifo trata-se tão-só de criar imagens no mundo existente e, precisamente, porque não é possível inventar novos mundos.

Publication Details

Publisher:
BookBaby
Imprint:
KKYM + IHA
Publication Date:
2014

Format

  • OverDrive Read 142.7 KB
  • Adobe EPUB eBook 142.7 KB
Sísifo ou Prometeu? Da arte e da tecnologia, hoje.
Copy and paste the code into your website.